sábado, 13 de junho de 2009

Capítulo 15

capítulo 15

Van:…

Zac: Aceitas?!

Van: Sim!

Zac fez um sorriso de orelha a orelha e beijou Van levemente nos lábios.

Van: Bem… acho melhor ir dormir… é que o meu querido bebé não aguenta com o cansaço…

Zac: A partir de agora é nosso bebé!!

Van: Como queiras, meu rei.

Ambos se riram e Zac levou Van para a porta do quarto dela e beijo-a. Depois desejaram boa noite um ao outro e foram dormir.

No dia seguinte…

Gina: Vanessa, despacha-te!


Van(a descer as escadas): Fogo, já vou!

Chegou cá a baixo e deu um beijo em Zac (todos já sabiam que eles namoravam e Greg estava muito feliz por isso).

Ash: Vá, vamos! A Stellinha deve estar a chegar ao aeroporto.

Demi: Pessoal, vocês tem que saber que o Mateus pode aparecer a qualquer momento no aeroporto, porque ele chega hoje de Nova Yourk, como sabem. Cuidado com a Van e a Stella. Eles, Stella e Mateus, podem vir no mesmo avião.

Greg: Se ele se aproxima a menos de 100 metros eu desfaço-o!

Nick: Miley, se tu não quiseres ir, eu compreendo…

Miley: Não! Eu não pude fazer nada para salvar o meu filho, mas posso fazer pelo filho da Vanessa.

Van: Obrigada…

E abraçam-se.

Kevin: Vá, vá, já chega de lamechices! Toca a andar que o voo da Stella pousa daqui a meia hora e nós precisamos de 20 minutos para lá chegar.

Van: Ok, bora lá. Eu não quero que o Mateus se encontre com ela… nem comigo.

Zac: E não o fará, pois não sairia do aeroporto vivo. Eu próprio irei encarregar-me disso.

Greg: Mas não sozinho, eu faço questão de fazer as honras da casa.

Nick: E eu ajudo-vos. Eu nunca que vou esquecer o que ele fez com a Miley…

Jared: Eu também entro para o clube.

Todos olharam para ele.

Ash: Mas é o teu irmão gémeo…

Jared: Ele não se lembrou disso quando me traiu…

Gina: Se não querem que a Stella se encontre com aquele canalha, despachem-se!

E 20 minutos depois estavam no aeroporto.

Gina: O voo veio mais cedo… já chegaram há cinco minutos…

Greg: E agora?!

Gina: Certamente a Stella está na zona das crianças com as malas.

Foram lá e encontraram-na a chorar.

Gina (abraçando-a): Que se passa, meu anjo?

Stella: O Mateus…

Greg: O que aquele estupor te fez?!

Stella: Ele… ele… disse que ia matar a Van!

Gina: Calma, calma, ninguém a vai matar…

Zac: A Vanessa?!

Todos: O quê?!

Zac: A Van estava mesmo aqui ao meu lado!

Stella: Ele… matou-a!

E dito isto ela chorou ainda mais e Gina beijou-lhe a face.

Gina: Ninguém a matou… calma…

Nesse momento ouviram alguém a gritar.

Van: Zac!!

Eles viraram-se e viram Van a correr com lágrimas a escorrer pela face.

Zac: Que se passou?!

Zac abraçou Van com força e ela chorou ainda mais.

Greg: Van, onde te meteste?! Estava-mos preocupadíssimos!

Van: Des… Desculpa…

Zac: Que se passou…?

Van: Eu estava mesmo atrás do Zac e de repente alguém me agarra por trás e disse que me confundiu com alguém e de seguida foi-se embora e quando eu olhei não vos vi mais. Depois tentei vir para aqui, mas o Mateus viu-me e começou a correr a trás de mim e eu corri também, mas como só tinha vindo aqui uma vez, perdi-me facilmente, e estava perto das casas de banho quando ele me apanhou. Eu dei-lhe um pontapé e quando me virei vivos e vim a correr para aqui.

Zac: Calma… ele disse alguma coisa?

Van: A única coisa que ele me disse foi antes de eu lhe dar um pontapé. Ele disse “25-08”.

Gina: 25-08?!

Van: Sim…

Stella: Ele disse que te ia matar como a 1ª vez.

Zac: Como a 1ª vez?! De quê?!

Stella/Van: Não sei…

Nick: Mas é já daqui a 10 dias.

Miley: Oh!

Todos olharam para ela.

Miley: Oh céus… tens de fugir, Van! Tu não podes ficar aqui!

Van: Porquê?!

Miley: Van… (dirigiu-se a ela e pôs as mãos na barriga de Van) no dia 25-08 foi quando tudo começou…

Van: O que começou?!

Demi: Foi nesse dia que o Mateus matou o seu 1º filho…

Miley: O meu 1º bebé…

Lágrimas corriam pela face da Miley.

Miley: O Mateus vai querer fazer tu abortares nesse dia.

Stella: E te matar, também.

Jared: Stellinha, o Mateus não quer matar a Van…

Stella: Quer sim! Van, foge para longe o quanto poderes! Na 1ª oportunidade ele vai te matar… 25-08 vai ser a tua morte e a do bebé!

Gina: Não digas disparates, filha!

Stella: Uma morte para ele desta vez não vai chegar!

Gina: Stella, chega de dizer disparates!

Van. Não são disparates, mãe…

Gina: Não ligues à tua…

Van: É verdade!

Gina: Não...

Demi: É verdade, sim, D. Gina! Ele vai matar o bebé e fazer com que a morte da Van seja acidente. Quando uma mulher aborta há risco de ela morrer junto com a criança! O Mateus não vai querer que a Van viva, porque ele é obcecado por ela! 25-08 é a data da morte deles ou o dia que a Van vai ser lembrada como raptada por ele… se ele matar a criança também te mata, mas se ele não conseguir matar até esse dia, ele vai deixar a criança nascer, deixá-la com vocês e ficar com a Van, como uma prisioneira… Eu quase aposto…

Van: E agora?




Desculpem... tipo, eu avisei que este mes iaq ser pior. tenhu exames para a semana e ta a ser dificil... talves quando eles passarem eu possa postar com mais frequencia... bem, tali, meu amor, eu tava a tentar entrar no teu blogue(zacenessa-tali), mas diz que foi removido... podes dizr u k akonteceu? e tipo, desculpa, a ti e aos outros, vou tentar a ver se ojou amanha me actualizo nos voxos e deixo comentarios... desculpem...

8 comentários: